INFORMATIVO MONITAL
Fique ligado nas últimas novidades do mercado de segurança
O que esperar para o mundo da tecnologia em 2018?

Uma internet de muito mais Coisas

Você já deve ter lido e ouvido por aí que a IoT (Internet das Coisas, na sigla traduzida em português) é algo maravilhoso e que só vai evoluir, mas é possível que a sua residência não esteja tão integrada assim. Em 2018, a ideia é que ao menos algum passo seja dado nessa popularização em nível mundial.

A IoT não vai crescer sozinha, apesar de provavelmente apresentar ao longo do ano grandes lançamentos com as mais diversas funções. 

Ela terá ao seu lado o 5G, que deve começar a ser testado em 2018, a implementação mais difundida do protocolo IPv6 e o sistema de redes mesh, que melhora significativamente a cobertura do WiFi, mas só chegou há pouco tempo no Brasil.

Inteligência artificial expandindo

Achou que saíram muitas novidades sobre Inteligência Artificial em 2017? Achou certo, mas você vai ouvir falar ainda mais disso em 2018. Isso porque os sistemas estão cada vez mais inteligentes e muita coisa de qualidade deve sair dos laboratórios e entrar no mercado no ano que vem. Você com o poder da IBM: Inteligência artificial projetada para negócios Patrocinado 

A grande arma do ano será o machine learning, que é o aprendizado automático e por indução de um sistema, estando sempre em evolução.

Setores como saúde (em dianóstico), comércio (em organização de produtos e sugestões de anúncios) e até jornalismo (tratamento de dados e checagem de fatos) vão se beneficiar muito da IA — e, com o hype já um pouco menor, é hora de colocar a mão na massa.

Maior uso de comandos de voz

Os comandos de voz para falar com assistentes pessoais já são bastante úteis, mas eles devem ficar ainda melhores e mais indispensáveis em 2018. SiriCortanaGoogle AssistenteAlexa e Bixbyestarão constantemente em disputa para ver quem lança o melhor recurso para o usuário. Mais recursos devem ser ativados só usando a voz e a ideia é que você precise cada vez menos ficar usando as mãos para tudo no aparelho.

Nuvem de forma nativa

Calma, você não está lendo a previsão de anos atrás. A computação em nuvem já é algo bastante comum em muitos setores, é verdade, mas ela ainda tem um passo a ser dado — e pode ser que essa hora tenha finalmente chegado em 2018.